As apps de rastreamento de contactos (ARCs) estão a ser avançadas por todo o mundo como um recurso necessário para o combate à pandemia. Em Portugal o assunto também já está na ordem do dia, com a app Stayaway prestes a ser lançada.

Existem riscos preocupantes, transversais a todas as apps deste tipo, que nos devem fazer pensar duas vezes antes de instalar algo assim no nosso telemóvel. O desespero e ansiedade que todas e todos sentimos leva-nos a desejar uma solução mágica para o fim da crise, mas as ARCs não são essa solução.

Colocamos à disposição algumas questões e recursos para cada pessoa poder decidir se é boa ideia aderir a uma ARC, seja o Stayaway ou outra qualquer. Vamos nos próximos dias acrescentar as respostas que faltam, e vamos avisar no Twitter da D3 à medida que publicarmos coisas novas.

Mas eu quero fazer a diferença, a minha participação não pode ajudar?

Várias fontes indicam que se a adoção das ARCs não chegar aos 60% da população, elas não vão ser eficazes no rastreio de contactos. O problema é que chegar a esse número será impossível.

Porquê?

Há risco de receber uma notificação quando na verdade não estou doente?

O Bluetooth não é uma tecnologia precisa e atravessa paredes, pelo que muitas pessoas poderão receber notificações de que estiveram expostas ao vírus quando na verdade não aconteceu. Da mesma forma, possíveis contactos vão passar ao lado das ARCs. Uma notificação vai causar muito transtorno a cada pessoa que a receber – o que significa se muitas delas não forem fidedignas?

Ler Mais brevemente!

Se a instalação é voluntária, qual é o problema?

Nalguns países onde as ARCs eram de instalação voluntária, tê-las instaladas passou a ser necessário para aceder a bens essenciais e poder trabalhar. Alguns ministros da UE também já sugeriram que ter uma ARC instalada será necessário para poder cruzar fronteiras.

Ler Mais brevemente!

E agora? O que posso fazer agora que sei que isto não é bom?

Podes ajudar ao esforço de outras formas!

Estou profundamente ansiosa/o e esta app pode ajudar-me a sentir mais descansada/o.

Infelizmente, instalar uma ARC pode piorar a tua situação, caso recebas um falso positivo que só te vai deixar num pior estado de pânico. Para lidar com a ansiedade que tudo isto que vivemos está a provocar, recomendamos os recursos de apoio psicológico divulgados pelo Ministério da Saúde. Podes também ligar para o SNS 24 (808 24 24 24) que disponibiliza um atendimento de aconselhamento psicológico (opção 4).

Eu quero sair de casa!

Vários proponentes do rastreio digital têm estabelecido uma relação entre as ARCs e a possibilidade de sair de casa. Tal como saímos até agora, podemos continuar a sair. Ter uma ARC não nos torna mais resistentes ao vírus, por isso é importantíssimo desmentir esta falsa escolha entre confinamento e liberdade. Segue as recomendações da DGS, e já estarás bem preparada/o para sair de casa.

Apesar de tudo isto quero e/ou preciso de instalar. Que cuidados devo ter?

Se precisares de instalar por obrigação, seja ela pressão patronal, acesso a serviços onde a instalação é exigida, ou por pressão de vizinhos ou família, sugerimos:

  • adquirir outro telemóvel para ter lá a ARC instalada
  • manter o Bluetooth desligado
  • guardar o telemóvel num estojo de metal para bloquear parte do sinal Bluetooth